Chocolates finos: grife mineira proporciona doce prazer ao paladar

O chocolate ganhou arte e virou grife por mesclar gosto, aromas e layout. O delicado cuidado artesanal na elaboração dos doces nobres proporciona glamour ao paladar, assim, os chocolates finos são para gastronomia o que os primores da alta-costura são para a moda.

Em Belo Horizonte (MG), Débora Cunha Nacif tem seu nome atrelado ao doce sabor do design junto aos extraordinários doces à base de chocolate. O ofício artesanal que iniciou vendendo bombons durante o curso de Turismo, hoje é uma referência no cenário mineiro.

O ateliê que leva o nome da idealizadora se distingue pela gama de produtos, todos merecedores de atenção.

Tudo, desde os métodos de produção até a embalagem é cercado de requinte, com elevado nível de padronização da marca, ingredientes selecionados são essenciais para qualidade da manufatura.

Constantes capacitações contribuem para o ineditismo ser uma característica do trabalho com assinatura do ateliê Débora Nacif. Revestir o fino chocolate com exclusivo delinear faz parte do cotidiano da chocolatier.

Desde 2001 os paladares na capital mineira são agraciados pela litúrgica linha de produção artesanal de brigadeiros, bombons, bolos, pães de mel, bem-casados, cupcakes, entre outros derivados dos melhores chocolates existentes no mercado.

Qualquer redundância é necessária para sublinhar tamanha sofisticação e originalidade em personalizadas obras comestíveis.

A criatividade presente em cada quitute é peculiar ao proeminente nome consolidado no seleto campo autoral.

Contatos:

WhatsApp: (31) 99995-4307  – Instagram: @deboranacifchocolatesfinos – Facebook: /deboranacifchocolatesfinos

Fonte: Deborah Veneziano – Página Mineira / Publieditorial

Deixe seu Comentário