Amigurimi: materialização dos sentimentos em forma de crochê

Do que são feitos os sonhos? É claro que são de crochê! Pelo menos é a forma mais lúdica e célere de responder complexa indagação. Tal afirmação não é errônea e nem fantasiosa, basta olhar para uma das criações de Cris, responsável por cada agulha na Cat’s Wool Ball Atteliê, que irá perceber como há propriedade e veracidade na definição.

Enfermeira, Cris nunca abandonou o talento que descobriu ainda na infância, atribui o dom como um legado da bisavó Maria do Carmo. “Ela fazia qualquer trabalho em crochê, desde roupas até toalhas de banquete e colchas com linha de carretel. Ficavam tão fininhas que pareciam renda”, contou.

Todo enredo familiar envolto na arte de ‘crochetar’ é referência para produção artesanal da Cat’s Wool Ball Atteliê, cada peça um sentimento envolvido no ato de proporcionar silhuetas ao imaginário. Os sonhos são materializados, os formatos assumem um nostálgico repertório de outrora, num contexto superatual.

Artigos que decoram sem perder o propósito do brincar, inclusive sem censura de idade. O hoje com o charme de ontem numa dimensão atemporal.

“Sempre adorei os bichinhos feitos em crochê, cuja técnica, chama-se ‘amigurumi’ e sempre gostei dos brinquedos que a gente pode apertar, dormir com eles e carregar para onde quisermos, até eles ficarem bem ‘surradinhos’ de tanto que nos acompanham. Daí nasceu a Cat’s Wool Ball Atteliê, em 2015, que significa ‘Bola de lã de gatos’. Aqui no ateliê, a melhor parte de todo esse amor na confecção das peças é ver o brilho no olhar e o sorriso no rosto das crianças. Os adultos também amam”, relatou Cris.

Prova do sucesso está na própria casa da artesã, sua filha Carol – tem nove anos – e não abandona por nada a boneca que ganhou de presente.

Peças que transmitem sensações de ternura, um afago envolvente pela leveza exclusiva de cada amigurumi. Eles são capazes de despertar cumplicidade, laços afetivos.

Brinquedos confeccionados no propósito de exercitar o amor em sua plenitude, — chegam flertar com o pleonasmo de humanizar humanos.

O artesanal volta assumir o protagonismo que é seu lugar de essência, leva tempo, dedicação, ineditismo, criatividade, e todos os atributos autorais de quem dedica vocação na arte de estimular a felicidade.

“Para o Natal estou fazendo alguns bichinhos para um orfanato de Minas Gerais que atende crianças de várias idades. Fico tentando imaginar o jeitinho de cada uma, a sua idade e do que eu acho que elas gostariam de ganhar. É muito bom saber que de alguma maneira a gente pode fazer a diferença na vida das pessoas”, salientou.

Arte que cumpre seu papel de interagir com todos e com o todo. Leva um pouquinho da artesã trançado junto ao trabalho.

Contatos:

WhatsApp: (11) 98731-6081 – Instagram: @catswoolballattelie – Facebook: /catswoolballattelie – Loja: www.elo7.com.br/catswoolballattelie

Fonte: Deborah Veneziano – Página Mineira / Publieditorial

Fotos: Flávia Jacob

11 comentários

  1. Renato F. Dias em 7 de outubro de 2017 às 17:06

    Sou fã e cliente da Cris da “Cat’s Wool Ball Atteliê”, curto muito o trabalho dela! Já rolou até um desafio: pedi pra ela fazer uma capivara em amigurumi, a pedido de minha filha, que assim que a recebeu, identificou de imediato o que era, tamanho o capricho que ela tem na confecção… Muito sucesso pra Cris e pra “CWBA”!!!

  2. Luciana em 9 de outubro de 2017 às 11:36

    A Cris é um amor!!!! O trabalho um primor….lindos, feitos com todo o carinho e dedicação.

  3. Fabia Garcia em 9 de outubro de 2017 às 12:34

    Um imenso prazer em conhecer a Cat’s Wool e a talentosa Cris, pude perceber a quantidade de amor envolvido entre ela e o seu trabalho ao tocar um ursinho que não quis se desgrudar de mim rsrsrs. Estou muito feliz com ele aqui em casa. Obrigada Cris por me proporcionar esse carinho e amor. Gratidão ♡♡♡

  4. Carolina Carvalho em 9 de outubro de 2017 às 12:34

    Conheço o trabalho da Cris e é realmente fantástico!!!!! Já vou encomendar para o Natal! Presente exclusivo e que vem cheio de carinho!

  5. Ana Paula Siqueira em 9 de outubro de 2017 às 14:30

    Cris, seu trabalho me emociona! Tão delicado e com muito amor envolvido!
    Grande beijo

  6. rossana alcarde em 9 de outubro de 2017 às 19:40

    O trabalho da Cris realmente surpreende pela delicadeza e capricho! Eles são lindos, cheio de amor e carinho. Uma opção especial para presente de natal. Um beijo enorme e muito sucesso

  7. Ligia Aragao em 9 de outubro de 2017 às 23:36

    Os trabalhos da Cris são maravilhosos e agradam crianças e adultos.
    Tenho o gato Theo e o urso Ted….que são meus…..lindos!
    Uma raposa laranja, coelhinho,gatinhos e um cachorrinho maltês que dei às minhas netas.
    O maltês ė a réplica fiel do cachorrinho verdadeiro. São trabalhos muito bonitos!

  8. Edméa Souza Costa Pagano em 10 de outubro de 2017 às 00:06

    É maravilhoso poder ver que as boas coisas da vida não se acabam diante do chamado”progresso plastificado” que temos hoje em dia.
    Esse trabalho manual requer paciência, dedicação, amor, atenção e muita matemática.
    Parabéns Cris! Você é uma verdadeira artesã!

  9. Joyce Laurino em 10 de outubro de 2017 às 01:04

    O grande diferencial do artesanato é que cada peça reflete o sentimento do artesão e as peças da Cris são exatamente isso: a expressão do amor e dedicação, o que torna cada trabalho único e especial.

  10. Clarissa em 10 de outubro de 2017 às 02:04

    São peças lindas de viver e cheias de amor pelas mãos da Cris. Especial!

  11. Karina em 18 de outubro de 2017 às 17:36

    As peças são LINDAS, feitas com muito carinho e amor… São realmente encantadoras!!
    Cris parabéns, super talentosa!

Deixe seu Comentário